como criar um ebook

Como criar um ebook: passo a passo simples e completo para produzir um livro digital

Você sabia que a venda de livros digitais cresceu 115% no Brasil nos últimos três anos? Foram 4,7 milhões de unidades vendidas somente em 2019, totalizando uma receita de R$ 103 milhões. Os números impressionam e também indicam uma interessante oportunidade de negócios para quem sabe como criar um ebook.

Os ebooks podem tanto ser livros clássicos adaptados para o formato online como conteúdos mais objetivos sobre temas específicos. E é justamente neste segundo segmento que eles são usados como uma eficaz ferramenta de geração de leads.

Quem tem um negócio online pode, por exemplo, escrever um ebook sobre sua área de atuação e disponibilizá-lo para download em troca de dados como e-mail, telefone e ocupação. Se você trabalha com ensino a distância, pode ainda usá-lo como material de apoio junto a outras mídias e ferramentas utilizadas na EAD.

Ficou animado com as possibilidades, mas não sabe como criar um ebook? Não precisa se preocupar porque preparamos um passo a passo detalhado com todas as etapas do processo para te ajudar. Confira!

Como criar um ebook em 7 etapas

O passo a passo da criação de um ebook não é tão diferente do processo de produção de um livro tradicional. Além da exceção óbvia da impressão, as etapas são basicamente as mesmas:

  • Definição do tema
  • Organização do conteúdo
  • Redação do texto
  • Escolha de imagens
  • Formatação
  • Revisão do material
  • Divulgação

No entanto, por se tratarem de infoprodutos, há uma série de particularidades que detalharemos abaixo:

1. Definição do tema

O ponto de partida da criação de um ebook – decidir sobre o que você vai escrever – pode parecer simples, mas é mais complexo do que se pode imaginar. Isso porque a escolha do tema está atrelada à definição da sua persona.

Para quem não se lembra, personas são perfis fictícios que representam as principais variações do seu público-alvo. Ou seja, você precisa saber quem vai ler seu e-book antes de escolher o tema para não correr o risco de acabar escrevendo para ninguém.

A forma mais simples de criar sua persona é pesquisando sua base de leads ou usando os recursos do Google Analytics. Caso você precise começar do zero, recomendamos que você assista o vídeo abaixo, do canal Ecommerce na Prática:

Após conhecer a fundo sua persona, será bem mais fácil escrever um ebook pensado especificamente para ela. Desde que, é claro, você tenha expertise ou ao menos afinidade com o assunto que interessa ao seu público e possa oferecer conteúdos relevantes para ele.

2. Organização do conteúdo

Com o tema já definido, é hora de você estruturar seu ebook. Afinal de contas, não basta escrever e entregar um bloco de texto com as informações jogadas. É fundamental apresentar um material de leitura agradável e que facilite a assimilação do conteúdo.

Divida o tema principal em tópicos e faça um esboço sobre cada um deles para facilitar a divisão por capítulos. Nessa etapa a internet será uma grande aliada para você fundamentar suas ideias por meio da pesquisa de fontes e da comparação com o que já foi escrito sobre o assunto.

Uma ferramenta que pode ajudar muito nessa hora é o Google Keyword Planner. Por meio da pesquisa de palavras-chaves, você não só entenderá melhor o interesse do seu público-alvo como terá mais ideias para organizar os tópicos principais do seu conteúdo.

3. Redação do texto

Hora de botar a mão na massa. Essa é a etapa principal da criação de um ebook e, certamente, aquela que mais vai tomar o seu tempo, mesmo se você for um especialista no tema.

Mais uma vez, não basta apenas botar no papel todo o seu conhecimento sobre o assunto. Você está produzindo para outras pessoas e, por isso, precisará ler, revisar e reescrever quantas vezes forem necessárias até que o conteúdo esteja pronto para a publicação.

Além do domínio do tema do ebook e da língua portuguesa, para não cometer erros que espantem os leitores, essa etapa exige paciência e disciplina. Estabeleça horários de trabalho e prazos de entrega para criar uma rotina de trabalho eficaz.  

Outra boa ideia é envolver pessoas de confiança para que elas deem sua opinião e sugiram alterações. Esteja sempre aberto a sugestões e a testar coisas novas para melhorar seu material.

E, caso esteja se perguntando qual é o melhor software para escrever seus textos antes de migrá-los para o formato digital, esse vídeo do canal Escreva Livro pode te ajudar:

4. Escolha de imagens

Apesar do texto ser a parte mais importante do seu ebook, as imagens também têm um papel essencial. Além de deixá-lo mais bonito, elas também facilitam a leitura se forem usadas da forma correta.

A boa notícia é que você não precisa gastar muito para ter acesso a um bom banco de imagens. A internet está cheio deles, muitas vezes gratuitos ou com preços acessíveis, como:

Caso você prefira enriquecer seu texto criando seus próprios infográficos, as ferramentas mais recomendadas são:

5. Formatação

O início da formatação de um ebook é bastante parecido com a de um livro tradicional. Você terá que escolher tipo e tamanho de fonte, espaçamento e harmonizar bem texto e imagens para deixá-lo atrativo aos olhos do seu leitor.

Para a parte da diagramação, recomendamos que você recorra ao já citado Canva. No vídeo abaixo, do canal Eu Empreendedora, você encontra um tutorial completo para criar seu ebook nessa plataforma de design gráfico:

Na etapa da formatação você também precisará definir o formato do arquivo no qual seu ebook será gerado. As principais opções são:

  • PDF: Reproduz exatamente o modelo da página impressa e é mais recomendado para ebooks com muitas imagens e formatos mais complexos.

  • Epub: Permite o redimensionamento da página à área de visualização e a busca de palavras. Ideal para ebooks mais simples, com poucas imagens.

6. Revisão do material

Essa etapa acontece, na verdade, em dois momentos do processo de criação de um ebook. A primeira delas é logo após redigir o texto, quando você deve realizar uma minuciosa revisão ortográfica do conteúdo.

Mais pra frente, quando a formatação já estiver concluída, lembre-se de revisar cada linha para não deixar passar erros de ortografia, pontuação e até mesmo na diagramação. E nem pense em fazer tudo sozinho.

Peça que outra pessoa também revise o material, uma vez que ela pode detectar falhas que passam batidas para quem esteve envolvido na produção do material. Se couber no orçamento, não hesite em contratar um revisor ou editor para dar um acabamento profissional ao seu ebook antes de lançá-lo.

7. Divulgação

Se você pensa que seu trabalho vai acabar com o lançamento do seu ebook, pode tirar o cavalinho da chuva. Assim que ele estiver pronto, você já deve ter uma estratégia de marketing preparada para divulgá-lo para seu público.

Anunciar um ebook é como divulgar um produto digital e pode ser feito por meio de:

  • Redes sociais
  • Postagem em blogs
  • Disparo de emails
  • Sites e landing pages
  • Influenciadores digitais

Pronto! Agora você sabe não apenas como criar um ebook, como também fazê-lo chegar a um número maior de pessoas. Dessa forma, será mais simples tanto gerar leads como captar alunos EAD.

Caso você queira entrar de cabeça no universo dos livros digitais, recomendamos que você acesse a página do Booknando, um dos clientes da EAD Plataforma. Ali você encontrará uma série de cursos para aprender a montar seus ebooks de forma gratuita.

como criar um ebook

E não se esqueça que o ebook é apenas uma das maneiras de incrementar sua plataforma de ensino à distância. Se você quer ficar por dentro de onde hospedar seu curso online e como turbiná-lo, conheça agora todos os recursos da EAD Plataforma.

Fabio Godoy