roteiro para live no instagram

Roteiro para live no Instagram: 3 elementos que você precisa considerar

Você sabe como elaborar um roteiro para live no Instagram? Se você tem a intenção de usar o recurso de transmissão ao vivo para promover seus cursos e aulas online, então é bom entender os elementos que compõem um bom roteiro.

De uns anos pra cá, o Instagram vem se tornando uma plataforma de marketing digital cada vez mais forte. E as lives contribuem (e muito!) para isso. Para você ter uma ideia, o número de transmissões nessa rede social, durante a pandemia, aumentou incríveis 70% — e a plataforma conta, atualmente, com quase 70 milhões de usuários brasileiros.

Agora, para ter sucesso nessa estratégia, não basta saber a parte operacional. É preciso se planejar, do início ao fim, para que tudo siga o seu caminho sem problemas. E é exatamente aqui que entra o desenvolvimento do roteiro.

Continue a leitura e confira nossas dicas!

Qual a importância de criar um roteiro para live no Instagram? 

Ao fazer uma live no Instagram, é normal ficar nervoso — afinal, você pode estar falando para centenas ou mesmo milhares de seguidores. Mas se tiver uma listinha com tudo organizado, você evita aquele famoso branco na hora H.

Sabe quando você tinha uma apresentação importante para fazer, seja na escola, na faculdade ou mesmo no trabalho presencial, e levava um papelzinho com uma “cola”? 

Pois é, esse já era um tipo de roteiro, que te ajudava a se lembrar dos principais pontos a serem abordados no discurso. Quando falamos da live no Instagram, a ideia é a mesma!

Tudo bem que improviso é sempre bom, mas ter um roteiro faz com que você se sinta mais seguro durante toda a gravação — e, de quebra, mantenha seu conteúdo interessante e sua audiência engajada.

Além do mais, o roteiro evita que você seja repetitivo demais, voltando a assuntos que não eram para ser falados naquela hora. 

Leia também: 7 dicas para fazer live no Instagram e brilhar ainda mais!

Qual ferramenta usar para construir um bom roteiro para live no Instagram?

Você pode usar o tradicional conjunto papel + caneta. Mas, já que estamos falando do ambiente digital, uma dica de ouro é usar o Google Docs. Esse programa permite que você acesse o roteiro online, de qualquer dispositivo, mesmo enquanto estiver transmitindo sua live.

Lá você consegue criar tabelas, arquivos de texto e muito mais. Inclusive, o Docs tem uma série de modelos de arquivos semiprontos, o que te ajuda a colocar as informações do roteiro de forma bem bonitinha e organizada.

Veja um modelo:

Certo, mas vamos por partes

Antes de tudo, é bom definir qual será o tempo total da sua live, e então dividi-lo por cada uma das 3 seções que vamos falar abaixo (já adiantando, são essas: introdução, desenvolvimento e conclusão). 

Por exemplo, se você vai transmitir por 1 hora (o máximo no Instagram são 4 horas diretas), pode calcular cada parte da sua live com 20 minutos. Assim, você consegue deixar o conteúdo bem estruturado, sem se embananar no tempo de cada tópico. 

Enfim, feito isso, você já está pronto para começar a escrever o seu roteiro — que precisa ser bem simples e direto. O ideal é você usar bullet points, com bastante objetividade, apenas pincelando os tópicos que vai falar. 

No mais, você pode (e deve!) treinar o conteúdo antes — mas decorar tudo de cabo a rabo não é uma boa ideia, porque pode deixar a sua fala muito mecânica.

Agora sim: 3 elementos que todo roteiro precisa ter

1. Uma introdução poderosa

Ao construir o seu roteiro para live no Instagram, tome bastante cuidado com a introdução. Isso porque é nela que você tem a primeira (e, muitas vezes, a única) oportunidade de prender a atenção das pessoas que estão assistindo.

Sem uma apresentação inicial, algumas pessoas podem não saber do que a live se trata — o que as leva a abandonar a transmissão. Além do mais, se o seu perfil for aberto ao público (não somente aos seus seguidores), alguém pode chegar ali e não te conhecer. 

Por isso, fazer uma abertura cativante — sem enrolar demais — é o primeiro passo para iniciar sua live com o pé direito. Na hora de estruturar o seu roteiro, procure considerar alguns tópicos, como:

Um tipo de saudação

Você tem algum bordão marcante, que te ajude a começar o assunto? Usá-lo aqui pode ser uma boa ideia! Assim você cria uma espécie de “slogan” — fazendo com que as pessoas se lembrem mais facilmente de você.

Uma rápida apresentação do tema

Além de dar boas-vindas para quem está assistindo, é essencial fazer uma síntese sobre o que você vai falar. No roteiro, procure responder às perguntas abaixo.

  • O que o público vai encontrar na sua live? 
  • Alguém vai participar com você? Se sim, quem é e como ele se conecta ao assunto?
  • Como o tema será importante dentro do seu segmento? Que valor ele entregará para a sua audiência?

2. Um desenvolvimento com bastante interação

A pegada da live é justamente fazer com que as pessoas participem do conteúdo. Isso porque as redes sociais não são uma via de mão única — e contar com a opinião dos outros é fundamental. 

Portanto, no desenvolvimento é legal você conversar com quem está assistindo (use a ferramenta “chat” no Instagram). 

Outra ideia: alguns dias antes de fazer a live, você pode lançar um post no seu feed/stories perguntando o que as pessoas gostariam de saber durante a transmissão. Desse jeito você deixa o conteúdo mais relevante e personalizado (por isso vale anotar essas informações no seu roteiro!).

Também é legal, enquanto você estiver na live, pedir um feedback para as pessoas. A seguir, confira algumas ideias.

  • O som está bom? Elas estão conseguindo te ouvir?
  • Elas entenderam o tópico que você acabou de finalizar? Ficou alguma dúvida?
  • Há algo que elas queiram compartilhar?

Ah, uma dica: se você for fazer perguntas para o público, já deixe uma espécie de “resposta ideal” preparada no seu roteiro! Caso ninguém responda apropriadamente, isso servirá para que você tenha um gancho para retomar a questão.

3. Uma conclusão com chamada para ação

A parte final da sua live é tão importante quanto as outras duas. Afinal, se as pessoas assistiram ao seu conteúdo até o final, esse é o momento em que elas estarão mais propensas a tomar uma ação.

Esses são alguns itens interessantes para você colocar na conclusão:

  • um convite para as próximas lives (se houver);
  • um pedido para as pessoas curtirem seus posts e se inscreverem nos seus cursos;
  • a divulgação de alguma promoção ou outro conteúdo relevante.

Para finalizar o seu roteiro, não se esqueça do agradecimento — que é essencial para criar um laço mais forte com sua audiência!

Gostou dessas dicas sobre um roteiro para live no Instagram?

Então é hora de começar a preparar o seu! Além de organizar a estrutura da sua live, o roteiro pode te dar insights para criar um texto atrativo de divulgação — como o título e a descrição.

Agora que você já conferiu como elaborar um roteiro para live no Instagram, que tal aproveitar para ler mais artigos sobre redes sociais e outras estratégias digitais? Veja só o que publicamos no blog da EAD Plataforma:

Fabio Godoy