como-implantar-curso-ead

Como implantar um curso EAD? Passo a passo

Reduzir distâncias, promover a inclusão social na educação, ser uma fonte de renda, levar praticidade ao ensino corporativo com o e-learning nas empresas. Se você busca algum dos resultados acima, certamente deve estar se perguntando como implantar um curso EAD. 

A modalidade, que vem ganhando espaço junto com a transformação digital, tem tudo para se tornar a primeira opção de quem busca se desenvolver sem ter que abrir mão da rotina. De acordo com o portal R7 e segundo a Abed – Associação Brasileira de Ensino a Distância, os cursos livres corporativos e não-corporativos já chegaram a ter 300% de matrículas a mais do que as ofertas regulamentadas, o que confirma nossos argumentos. 

Se você quer entender como implantar um curso EAD e levar os benefícios do ensino livre e a distância para diversos públicos e locais, continue lendo este artigo! 

Como implantar um curso EAD como negócio

Descobrir como implantar um curso EAD pode ser a porta de entrada para um mercado de atuação bastante promissor. De acordo com o portal Terra, nos Estados Unidos, a projeção é de que o mercado e-learning bata o faturamento de US$ 325 bilhões até 2025

É ou não é inacreditável?

Esse número impressionante é resultado de uma metodologia extremamente funcional, que tem captado cada vez mais interessados em aprender de forma flexível e efetiva. 

A seguir, você vai conferir 5 passos essenciais para entender como implantar um curso EAD. Falaremos sobre: 

  1. Estudo de mercado e público-alvo
  2. Criação do curso online 
  3. Contratação de uma plataforma EAD
  4. Estratégias de marketing e venda

1. Estudo de mercado e público-alvo

Antes de iniciar qualquer negócio, é fundamental fazer uma análise de mercado e de público-alvo. Tal exercício ajudará (e muito!) a entender pontos fortes e fracos do segmento. 

Uma boa forma de fazer a análise de mercado de forma satisfatória é utilizando a ferramenta SWOT. 

O conceito de análise SWOT se baseia na existência de uma matriz, capaz de situar o negócio em seu mercado e mapear forças, fraquezas, oportunidades e ameaças para o investimento. 

A seguir, você confere a estrutura-base da análise SWOT. 

Com os resultados mapeados na matriz, fica mais fácil entender como implantar um curso EAD e, principalmente, como posicioná-lo no mercado. Esse posicionamento ganha ainda mais embasamento quando incluímos na análise uma variável relacionada ao público-alvo. 

O CENSO Digital EAD 2018, da ABED, mostrou que os alunos que frequentemente optam por cursos totalmente a distância estão na faixa dos 26 a 30 anos. Com essa informação, já é possível direcionar alguns esforços tanto no momento da produção de conteúdo EAD, quanto na estruturação de planos de marketing e divulgação. 

2. Criação do curso online

Com um mapa do nicho de atuação em mãos, é hora de descobrir como estruturar um curso online. Em linhas gerais, para criar um curso, é essencial ter atenção aos seguintes passos: 

  • Nome e escopo do curso: aqui, é importante definir, de uma forma geral, qual será a temática do curso (gastronomia, idiomas, curso profissionalizante em uma área determinada etc.), bem como o nome da oferta . Pense em algo impactante e atrativo! 
  • Conteúdo programático: nessa etapa, a ideia é separar o curso em tópicos e entender o que será abordado em cada um. Essa estrutura será uma espécie de resumo do curso. 
  • Estrutura das aulas: é hora de pensar em como o conteúdo será apresentado. Capítulos, módulos, atividades? 
  • Carga horária: informação relevante para os alunos, a carga horária deve ser definida de antemão e informada em todo o material de divulgação do curso. 
  • Formatos de conteúdo EAD utilizados: diversificar o conteúdo é a chave para manter os alunos motivados. Por isso, é importante investir em videoaulas, fóruns, e-books e outros para dinamizar o processo de aprendizado. 
  • Modelo de avaliação e certificação: dois pontos relevantes para os alunos são o formato de avaliação (prova? dissertação? pesquisa?) e a presença ou não de certificado de conclusão de curso. Tais informações também devem ser definidas de antemão e apresentadas na divulgação do material. 
  • Formas de pagamento: é importante encontrar formas práticas de pagamento, preferencialmente integradas à plataforma EAD. Assim, o processo é fluido para os alunos e para você, dono da empresa de cursos online. 

3. Contratação de uma plataforma EAD

Após formatar o curso online, o próximo passo para entender como implantar um curso EAD é buscar a plataforma ideal para hospedá-lo. 

A plataforma EAD é o sistema que possibilita a gestão do curso online. Ela armazena dados, fornece informações e permite que o tutor EAD conduza de forma completa o ciclo de aprendizado. 

Temos um artigo completo sobre como escolher a melhor plataforma EAD para o seu negócio, mas vamos recapitular os principais pontos: 

  • Avaliar os recursos disponíveis na plataforma; 
  • Entender os níveis de proteção de dados; 
  • Analisar a responsividade (ou a capacidade de se adaptar a diversos tamanhos de tela) do sistema; 
  • Verificar se ela é amigável a integrações entre sistemas (como o de automação de marketing e vendas, emissão de notas fiscais etc);
  • Testar a efetividade do LMS (Learning Management System, ou Sistema de Gestão de Aprendizagem) disponível. 

4. Estratégia de marketing e venda

Outro ponto essencial para quem busca aprender como implantar um curso EAD é a criação das estratégias de marketing e venda. Afinal, tão importante quanto criar um curso online é saber como captar alunos EAD, não é mesmo? 

Por isso, a palavra de ordem deve ser diferenciação! 

Sair na frente da concorrência significa investir naquilo que o seu negócio tem de único e especial. Dessa forma, esse diferencial pode ser o relacionamento com o cliente, a forma como o conteúdo é apresentado, uma política atrativa de preços e descontos ou o segmento educacional de atuação. 

Lembre-se de que, no marketing 4.0, sai na frente quem investe em estratégias de marketing baseadas na proximidade, na humanização e na experiência do cliente

Como implantar um curso EAD em empresas? 

Se o seu objetivo é entender como implantar um curso EAD na empresa, o passo a passo pode ter algumas variações. Isso porque os treinamentos corporativos online têm suas particularidades, e exigem uma avaliação um pouco mais detalhada sobre o contexto. 

Vamos recapitular os passos, agora voltando a atenção para o contexto corporativo? 

1.Mapeamento das necessidades dos colaboradores

O primeiro passo, nesse caso, se assemelha ao primeiro passo para implantar um curso EAD como negócio: é preciso mapear o público-alvo e entender suas necessidades. Assim também acontece com as empresas.

Nesse caso, além dos cursos obrigatórios de reciclagem e atualização, é importante investir em Treinamento e Desenvolvimento como forma de motivar e engajar colaboradores. 

Por isso, vale a pena fazer pesquisas e entender quais são os assuntos de maior interesse do time. 

2. Criação do curso ou contratação de uma empresa especializada no trabalho

Com os interesses mapeados, podemos passar para a segunda etapa: criar um curso ou escolher uma empresa de cursos online que já ofereça o conteúdo buscado. 

Se a opção escolhida for a segunda, lembre-se de pesquisar sobre a credibilidade da empresa e buscar avaliações de outros alunos sobre o conteúdo. 

3. Plano de Comunicação e Ação

Quando falamos em cursos in-company, ou cursos corporativos online, temos que incluir uma importante variável: a comunicação com os colaboradores. 

Por ser um modelo de ensino diferente do convencional, é preciso preparar a equipe para as aulas e deixar claras as contrapartidas necessárias para que o formato de aprendizagem funcione (como o compromisso de assistir aos módulos inteiramente, separar um horário para dedicação total ao curso, realizar as avaliações e trabalhos de forma honesta, entre outros). 

4. Escolha da melhor plataforma EAD

Seja você um criador de cursos ou um consumidor do conteúdo, a plataforma de Ensino a Distância é um item essencial e indispensável ao passo a passo de como implantar um curso EAD. 

Por isso, se quiser apostar em uma alternativa consolidada no mercado e utilizada por mais de 2 milhões de alunos, temos uma dica: faça o teste na EAD Plataforma e conheça todas as nossas funcionalidades. Certamente, você vai se encantar! 

Fabio Godoy