estrategias-marketing-escolas-particulares

6 estratégias de marketing para escolas particulares: capte mais alunos

Todos sabemos que encontrar a melhor escola para crianças e jovens é uma das maiores preocupações de pais e responsáveis. Por isso mesmo, quem investe no segmento precisa conhecer as melhores estratégias de marketing para escolas particulares.

Até porque, estamos falando de um segmento bastante aquecido. De acordo com o Inep, apenas no ensino fundamental, são mais de 3,4 milhões de alunos matriculados

Esse número nos leva a outro, diretamente relacionado: o número de escolas particulares abertas no país. Para você ter uma ideia, este estudo mostra que, entre 2003 e 2013, São Paulo ganhou mais de 2.600 escolas privadas de ensinos fundamental e médio, o que correspondeu a um crescimento de 36%. Imagine em que patamar está este número nos dias de hoje? 

É por isso que, ao longo deste artigo, falaremos sobre estratégias de marketing para escolas particulares. Nossa ideia é ajudar as instituições de ensino a se diferenciar e descobrir técnicas para captar alunos e engajar pais e responsáveis.  

Quais as tendências em marketing para o setor educacional?

É impossível falar sobre estratégias de marketing para escolas particulares sem nos referir ao ambiente digital. Afinal, de acordo com a pesquisa TIC Domicílios, já são mais de 74% de brasileiros com acesso à internet. 

Surfando nesta onda, o setor educacional vem apostando em novas tendências para divulgar seus serviços e conquistar novos alunos. Diante disso, se voce deseja investir em marketing para escolas particulares, precisa conhecer alguns conceitos, tais como:

  • omnichannel: tendência de atuação em múltiplos canais interconectados (como redes sociais, sede física, site, telefone, etc.);
  • chatbot: tipo de inteligência artificial programada para executar tarefas operacionais de forma automatizada. São úteis para agilizar processos internos e fornecer respostas rápidas a questionamentos básicos dos potenciais clientes;
  • CRM: sigla para Customer Relationship Management — ou gestão do relacionamento com o consumidor. Trata-se de um sistema que integra todos os processos relacionados à venda e captação de novos alunos para a escola e fornece uma visão macro da jornada dos potenciais clientes. 

Veja no vídeo abaixo como o CRM pode ser um grande aliado para o marketing da sua escola particular: 

6 estratégias de marketing para escolas particulares

Agora que você já conhece algumas das expressões mais utilizadas no marketing da atualidade, é hora de partirmos para a próxima etapa.

A seguir, você confere 6 estratégias de marketing para escolas particulares para colocar em prática hoje mesmo! 

1. Analise seu negócio de forma completa

Impossível falar sobre estratégias de marketing para escolas particulares sem falar sobre a etapa de planejamento. Na verdade, é impossível falar sobre qualquer projeto sem incluir esse momento tão importante. 

Assim, seja você dono de uma empresa de cursos online, professor particular ou empreendedor em uma escola, é imprescindível reservar um tempo antes da execução de cada projeto para analisar o negócio e planejar. 

A etapa de análise pode contar com a ajuda de ferramentas como: 

  • análise SWOT;
  • avaliação do mercado;
  • estudo de concorrência;
  • criação de personas (não sabe o que são personas? Então assista ao vídeo abaixo).

2. Crie um plano de marketing

Com a análise preliminar criada, é hora de partir para a segunda etapa: a criação do plano de marketing. É importante ter em mente que, assim como a análise preliminar, não é possível executar boas estratégias de marketing para escolas particulares sem um bom plano de ação. 

Isso porque trata-se de uma ferramenta inteiramente pautada em “ações e reações”. Ou seja, os resultados vêm a partir das ações tomadas. Por isso, resultados robustos e traduzidos em um elevado número de interessados em matrículas só vêm se aliados a ações bem planejadas e direcionadas. 

Um bom plano de marketing é composto por algumas etapas-chave: 

  • objetivo da campanha;
  • público-alvo;
  • ferramentas utilizadas;
  • resultados esperados;
  • metas de curto, médio e longo prazo;
  • formas de mensurar os resultados;
  • cronograma de ações;
  • orçamento disponível. 

Para saber como transformar cada um desses dados em informações, assista ao vídeo abaixo: 

3. Invista em uma identidade digital para a escola

Você viu no início deste artigo que a presença digital dos brasileiros cresce a cada dia. Por isso, uma das mais importantes estratégias de marketing para escolas particulares é a construção da identidade digital. 

E o que isso significa? 

Identidade digital é a “cara” dada à escola nos canais disponíveis na internet. Aqui, incluímos redes sociais, site, canal no YouTube, e por aí vai. E não é só isso! Além da imagem, também é preciso trabalhar o tom de voz e o posicionamento de comunicação nos canais. 

Ainda que canais diferentes demandem maneiras diferentes de atuar, é importante trabalhar cada nicho de atuação de forma sintonizada. 

Afinal, se a intenção é fazer um marketing efetivo, é preciso garantir que, ao ver material publicitário da sua escola, o público-alvo saiba identificar o seu negócio. 

Quer ver um exemplo de marca que conta com uma identidade digital pra lá de bem definida?

Você certamente conhece (ou no mínimo já ouviu falar) a plataforma de streaming Netflix, certo? A empresa é famosa por seu posicionamento de marca descontraído, bem humorado e próximo de seus clientes. Seja qual for o canal de contato, a Netflix sempre estará pronta para dar respostas assim.

4. Crie uma rede de relacionamento estruturada

Mesmo antes da popularização da internet e do marketing digital, a rede de relacionamentos já era uma grande aliada em estratégias de marketing para escolas particulares.

Aliás, o setor educacional é fortemente movido pelo poder da influência. Alunos e pais satisfeitos indicam e motivam novos alunos e pais a buscarem os serviços da instituição. 

Por isso, ainda que sua estratégia vá ser pautada em grande parte por ferramentas digitais, não deixe de pensar em formas de manter sua rede de clientes satisfeita e engajada! Algumas dicas são: 

  • crie grupos e use ferramentas de interação para estimular o diálogo contínuo com a comunidade de pais e responsáveis; 
  • ofereça descontos e reconhecimentos a clientes de longa data;
  • realize eventos e reuniões periodicamente — e lembre de usar esses momentos para coletar feedbacks da instituição. 

5. Crie e acompanhe indicadores de performance 

De nada adianta investir em estratégias de marketing para escolas particulares se a etapa de mensuração não estiver bem definida. Por isso, junto com seu planejamento de marketing, crie também indicadores que ajudem a acompanhar e caracterizar o desempenho de suas campanhas. 

Veja alguns exemplos de indicadores de marketing digital úteis para uma estratégia do segmento educacional: 

  • CAC (Custo de Aquisição de Clientes): calculado pelo custo de vendas e marketing dividido pelo número de novos clientes. Determina o valor total que uma empresa gasta para conquistar um novo cliente;
  • Churn: indica o percentual de evasão dos clientes, ou seja, aqueles que cancelaram a assinatura da sua escola de cursos online, por exemplo;
  • LTV (Lifetime Value): pode ser traduzido como valor vitalício, e  pode ajudá-lo a ter uma estimativa do lucro líquido de um cliente durante o tempo de vida dele com a sua empresa. 

6. Dinamize o aprendizado com a EAD

O último item da nossa lista de estratégias de marketing para escolas particulares está relacionado ao valor agregado ao processo educacional

E o que isso quer dizer?

Quer dizer que saem na frente as escolas que enxergam maneiras inovadoras de oferecer seus serviços, dinamizando o fluxo de aprendizado e inserindo novas ferramentas na rotina, como a tecnologia, que se tornou uma grande aliada da educação. 

Neste caso, estamos falando sobre a possibilidade de complementar a rotina das aulas presenciais com uma plataforma EAD. Ela pode funcionar como um banco de conteúdos ricos, como vídeoaulas, apostilas, infográficos, animações e webinars. Uma verdadeira biblioteca virtual! 

Além disso, como vimos na crise do coronavírus, em 2020, ter uma plataforma EAD desenvolvida pode garantir a manutenção da rotina de aulas mesmo em situações adversas, evitando que os contratempos prejudiquem o percurso acadêmico dos alunos. 

Se você gostou das nossas dicas com estratégias de marketing para escolas particulares, que tal dar o próximo passo?

Conheça a EAD Plataforma, a mais completa e dinâmica plataforma EAD do mercado! Preenchendo este formulário, você tem acesso a um pacote de teste por 7 dias gratuitos! Explore ferramentas e torne seu processo educacional ainda mais completo! 

Fabio Godoy