Como-dar-aula-em-casa

Como dar aula em casa? 6 dicas para envolver os alunos e ensinar melhor

Recentemente, a pandemia do novo coronavírus impôs uma nova lógica de funcionamento ao mundo.

O segmento educacional não ficou de fora. Com a orientação do isolamento social, muitas escolas fecharam as portas e milhares de alunos tiveram seu cronograma educacional interrompido ou modificado. Diante deste cenário, diferentes possibilidades emergiram, como dar aula em casa. 

De acordo com o Estadão, em setembro de 2020, pais de alunos começaram a se organizar para contratar profissionais que pudessem dar aula em casa. Inicialmente, os tutores teriam de se deslocar à casa dos alunos. 

Entretanto, uma outra alternativa, tão efetiva quanto, se desenhou neste cenário: entender como dar aula em casa, mas de forma online. Assim, professores e alunos não precisariam estar no mesmo local para cumprirem o cronograma educacional com efetividade. 

E é sobre isso que falaremos ao longo deste artigo. Você descobrirá, em 6 passos práticos, como dar aula em casa e estabelecer uma relação de aprendizado com seus alunos, independentemente da distância física. 

  1. Organize seu espaço de trabalho
  2. Estipule um horário de trabalho
  3. Tenha um acesso de qualidade à internet
  4. Crie conteúdo adaptado ao mundo digital
  5. Estabeleça canais de contato com os alunos
  6. Utilize uma plataforma de qualidade

Como dar aula em casa? 6 passos 

A seguir, você descobre como dar aula em casa em 6 passos práticos. Nossas dicas ajudam a quem planeja dar aulas particulares e também a quem quer criar turmas. 

1. Organize seu espaço de trabalho

Em busca de entender como dar aula em casa? Então comece separando sua casa do trabalho! 

Pode parecer impossível, mas estabelecer um “espaço de trabalho” em casa é fundamental para a saúde mental do tutor EAD. Além disso, também auxilia na organização de tarefas, na criação de um ambiente inteiramente voltado às atividades de aprendizado e na produção de conteúdo EAD! Mais à frente falaremos exatamente sobre isso. 

Mas antes, deixamos algumas dicas para organizar seu espaço de trabalho de forma coerente: 

  • se possível, tenha um ambiente exclusivo para o trabalho;
  • caso não seja possível, crie um espaço destinado às aulas. Nada de trabalhar no sofá ou na cama!;
  • mantenha ao alcance das mãos as ferramentas mais utilizadas na rotina (material didático e de papelaria, por exemplo);
  • se utilizar as aulas online ao vivo com frequência, planeje o cenário, o áudio e a iluminação cuidadosamente. 

2. Estipule um horário de trabalho

Em segundo lugar, para entender como dar aula em casa, é preciso estabelecer horários de trabalho. Afinal, trabalhar de casa pode ser um bálsamo para quem sabe como criar uma rotina equilibrada, mas um verdadeiro caos para quem não se planeja.

É muito comum, entretanto, que, ao trabalhar de casa, profissionais percam a habilidade de separar as vidas pessoal e profissional.

Além de impactar diretamente na saúde mental do tutor, essa “confusão” pode gerar um fluxo educacional confuso para os alunos, com mensagens enviadas pelos tutores em horários diferentes e com frequências inconstantes. 

Sendo assim, determine seu período de trabalho. Escolha aqueles momentos em que você conseguirá se dedicar inteiramente à atividade educacional e programe-se! 

3. Tenha um acesso de qualidade à internet

A parte técnica também deve ser levada em conta ao estudar como dar aula em casa. Por isso, ao adotar o estilo de trabalho home office, certifique-se de ter ao alcance uma boa conectividade à internet. 

Afinal, este será o seu principal canal de contato com os alunos, e possivelmente sua principal fonte de informações durante a elaboração de conteúdo EAD.

Veja abaixo algumas dicas para escolher a melhor internet para a sua demanda:

4. Crie conteúdo adaptado ao mundo digital

Agora sim, chegamos ao cerne do tema “aulas online”. Estamos falando da produção de conteúdo! 

Embora o processo educacional tenha semelhanças nos modelos presencial e digital, é preciso focar nas diferenças no momento da criação do conteúdo.

Isso porque, no mundo digital, o maior desafio é estimular e motivar os alunos EAD. Estamos falando sobre um universo vasto e repleto de distrações. 

Sendo assim, e para garantir o aproveitamento e o cumprimento da rota de aprendizagerm, é preciso conhecer e explorar os melhores tipos de conteúdos digitais. Veja alguns exemplos a seguir: 

5. Estabeleça canais de contato com os alunos

Dar uma aula presencial, assim como dar aula em casa, demanda o estabelecimento do contato com os alunos. Este contato garante a troca de informações entre o tutor e o aprendiz, e assegura a assimilação do conteúdo apresentado. 

Da mesma forma, os contatos entre os atores do processo educacional permitem a discussão de temas, a resolução de dúvidas e até mesmo a criação de abordagens personalizadas de acordo com a demanda de cada aluno. 

Em um ambiente presencial, isso acontece com o famoso “olho no olho”. Mas o mundo digital não fica muito atrás! Aliás, com a ajuda das ferramentas de interação EAD, é possível recriar o “olho no olho” com a ajuda de videoconferências e transmissões ao vivo, por exemplo. 

Afinal, o essencial é assegurar que as trocas e abordagens ocorram. Sejam as aulas realizadas de forma virtual ou presencial. 

6. Utilize uma plataforma de qualidade

Por fim, para entender como dar aula em casa, é importante contar com uma boa plataforma EAD. A função da ferramenta é hospedar seu curso online ou os conteúdos de apoio às aulas. 

Além disso, são excelentes aliadas na administração da rota acadêmica. Isso ocorre graças ao LMS, ou Learning Management System — o sistema de gestão de aprendizagem.

Trata-se de um modelo no qual o tutor tem acesso ao progresso de cada aluno de forma individualizada. Além disso, consegue acompanhar a evolução de suas turmas. 

Um bom LMS fornece ferramentas de avaliação, canais de contato, recursos para gestão administrativa e financeira e artifícios complementares, como a biblioteca virtual. 

No entanto, por ser uma ferramenta-chave no entendimento de como dar aula em casa, a escolha da melhor plataforma e-learning precisa ser feita com atenção. É preciso conhecer cada funcionalidade, explorar possibilidades e, sobretudo, entender se os recursos disponíveis atendem às necessidades educacionais de cada tutor. 

Se você quer dar um passo à frente neste tema, nós podemos ajudar. Disponibilizamos um período gratuito de teste da nossa ferramenta, a EAD Plataforma.

Com mais de 2 milhões de usuários, a EAD Plataforma é completa e dinâmica, com funcionalidades voltadas para alunos e tutores. 

Quer conhecer cada uma delas de perto? Então preencha este formulário e acesse a EAD Plataforma sem custo por 7 dias!

Fabio Godoy