como-usar-instagram-aulas

Como usar o Instagram para dar aulas? Use a popularidade da rede para multiplicar conhecimento!

O instagram é uma das mais populares redes sociais. Afinal, são mais de 1 bilhão de usuários ativos na plataforma todos os meses. Diante dessa informação, saber como usar o Instagram para dar aulas pode abrir portas para atingir mais alunos e levar seu conhecimento a lugares inimagináveis por meio da plataforma. 

Neste artigo, separamos algumas dicas práticas para te ajudar a preparar seu plano de aula pelo Instagram. São 6 passos para seguir e entender, de forma prática, como usar o Instagram para dar aulas: 

  1. Crie uma conta profissional 
  2. Mantenha o perfil fechado para acesso da turma
  3. Planeje o conteúdo 
  4. Utilize ferramentas variadas na plataforma
  5. Faça concursos e valorize a participação dos alunos
  6. Responda comentários e crie interação

Boa leitura! 

Por que usar o Instagram como ferramenta educacional?

A introdução deste artigo já deu uma pista sobre a importância de saber como usar o Instagram para dar aulas, não é mesmo? Afinal…1 bilhão de usuários ativos por mês é um universo de trabalho e tanto! 

Mas as vantagens da rede não param por aí. A seguir, reunimos algumas estatísticas que ajudam a entender por que apostar no Instagram pode ser uma boa saída para alcançar visibilidade e motivar seus alunos EAD. Confira! 

Como usar o Instagram para dar aulas? Passo a passo com 6 dicas

Agora que você já sabe por que a plataforma é uma boa pedida para incrementar sua produção de conteúdo e evitar a evasão na EAD, vamos partir para a prática! 

Nos próximos parágrafos, você descobre, em 6 dicas efetivas, como usar o Instagram para dar aulas.

1. Crie uma conta profissional 

O primeiro passo para entender como usar o Instagram para dar aulas é criar uma conta profissional para divulgar seus conteúdos. 

Muitos professores cometem o deslize de utilizar suas contas pessoais para veicular os materiais de aula, e isso é um engano por duas razões.

A primeira delas é que, ao “misturar” seus perfis pessoal e profissional, o professor abre mão de sua privacidade e dos momentos de descontração normalmente atrelados à sua conta pessoal do Instagram. Afinal, o público de interesse dos conteúdos educacionais é bem diferente daquele que segue o perfil pessoal do profissional. 

Em segundo lugar, é importante destacar que perfis pessoais e profissionais no Instagram têm acesso a funcionalidades diferentes. O Instagram Business (perfil profissional) possibilita, por exemplo, a vinculação da conta a um número de WhatsApp. Além disso, permite inserir o site ou a plataforma EAD de escolha do professor para direcionar os alunos e potenciais alunos que visitarem a página. 

2. Escolha estrategicamente o tipo de acesso ao conteúdo

Nossa segunda dica para entender como usar o Instagram para dar aula já é uma dica estratégica. Ela diz respeito ao acesso ao conteúdo, ou seja, se o seu perfil é restrito ou aberto. 

Ambas as escolhas têm prós e contras, e precisam ser avaliadas conforme a intenção do professor ou tutor EAD

Veja alguns dos pontos importantes para levar em conta:

  • o conteúdo é exclusivo para os alunos? se a resposta for sim, considere utilizar o perfil no modo privado e garantir o acesso apenas para os estudantes; 
  • a estratégia de utilização do Instagram para dar aulas é captar novos alunos EAD? Se a resposta for sim, mantenha o perfil aberto e abuse das hashtags relacionadas ao seu tema de estudo;

Antes de seguir em frente, assista ao vídeo abaixo para saber mais sobre a importância das hashtags em conteúdos no Instagram:

3. Planeje o conteúdo 

Após definir as configurações de acesso ao material de aulas, é hora de planejar o conteúdo! Como sabemos, um plano de aulas remotas tem características diferentes do plano convencional. Ele envolve o dinamismo e a diversidade dos tipos de conteúdos digitais usados como ponto chave para gerar engajamento e captar a atenção dos alunos. 

No Instagram, esta máxima também deve ser considerada.

Em primeiro lugar, sua página deve ser dinâmica. Por isso, nada de publicar um conteúdo por semana! 

O ideal é criar editorias de conteúdos e postar diariamente, criando uma sequência de aprendizado e fazendo com que seus alunos sintam vontade de acessar o perfil todos os dias em busca de novidades. 

4. Utilize ferramentas variadas na plataforma

Ainda sobre o valor do dinamismo do conteúdo, precisamos falar sobre ferramentas. O Instagram oferece diversas opções de publicação, e cada uma delas cumpre um papel diferente no engajamento do público-alvo. O ideal é mesclar todas elas, explorando as potencialidades da ferramenta e testando aquelas que mais se conectam com os alunos. 

Aqui vai um breve resumo de cada ferramenta de conteúdo disponível no Instagram:

  • Feed: espaço que reúne todas as publicações do perfil, servindo como um resumo do conteúdo que você produz. De acordo com estatísticas, o tipo de conteúdo que mais engaja no feed é o post estilo “carrossel” (várias fotos em uma mesma publicação);
  • Story: indicado para publicações cotidianas, a função Story permite que o usuário crie vídeos e transmita mensagens de até 15s de duração e permanência de 24h;
  • IGTV: aplicativo para vídeos longos, de até 15 minutos de duração;
  • Reels: ferramenta de vídeos curtos, de até 30 segundos de duração. 

5. Faça concursos e valorize a participação dos alunos

Agora que você já sabe como usar o Instagram para dar aulas, incluindo suas diferentes ferramentas, vamos avançar para a estratégia. 

Em redes sociais, costumamos dizer que o sucesso de um negócio é pautado por uma palavra-chave: engajamento. O engajamento representa a taxa de participação do público nas publicações, seja com curtidas, compartilhamentos ou comentários.

Ao usar o Instagram para dar aulas, o cenário não muda: é preciso engajar! 

Para isso, estimule a participação dos alunos com enquetes, sorteios, concursos, exibição de bons trabalhos e performances. 

Dessa forma, o algoritmo do Instagram entenderá seu conteúdo como sendo relevante e garantirá sua entrega para todo o público de seguidores. 

É possível dar aula SÓ pelo Instagram? 

Muitos tutores EAD se perguntam se apenas o Instagram é suficiente para conduzir de maneira satisfatória o percurso educacional dos alunos. 

A verdade é que, para a gestão do curso ou das aulas online, o Instagram ainda é uma ferramenta incompleta. Afinal, não é possível mensurar aproveitamento ou mesmo a frequência dos alunos apenas com base em seu engajamento na rede. 

Dessa forma, nossa dica para captar, de uma vez por todas, como usar o Instagram para dar aulas é: utilize a plataforma como um complemento, mas não como a ferramenta principal de ensino.

O ideal é que a gestão educacional ocorra em um Ambiente Virtual de Aprendizagem preparado para tal, com recursos completos para gestores e para alunos. É o caso da plataforma e-learning

Conheça a nossa plataforma EAD

A EAD Plataforma é um completo LMS para gestores, além de oferecer um ambiente virtual de aprendizagem completo e amigável para os alunos. Não à toa, ultrapassamos a marca de 3 milhões de cadastros na plataforma com altos índices de satisfação. Quer testar as funcionalidades da nossa ferramenta? Preencha esse formulário e navegue na EAD Plataforma por 7 dias gratuitos!

Fabio Godoy