Nicho de mercado: o que é e como lucrar com o seu!

Faz parte da natureza humana escolher entre todas as alternativas aquela que está associada às suas necessidades. Por isso, investir em um nicho de mercado é cada vez mais necessário no mundo empresarial.

Aaron Ross, autor do livro Hipercrescimento, vai além. Para ele, o caminho para o sucesso é “conquistar um nicho de mercado”. Mas, o que ele significa? 

Basicamente, seu objetivo é se conectar com um consumidor que tem um desejo específico, para o qual o seu negócio oferece uma solução plausível. 

Em outras palavras, significa concentrar em resolver somente os problemas dos seus consumidores alvo, ao invés de trabalhar com um mercado mais amplo, como lojas americanas, ponto frio ou uber. 

Ao implementar a primeira opção, você, como empresário, começa uma conexão de causa e efeito, que pode levar a sua empresa ao progresso. 

Você gostaria de trazer esses benefícios para a sua empresa? 

Leia este artigo até o final e encontre nichos de mercado com pouca concorrência. 

O que é nicho de mercado? 

Em suma, nicho de mercado significa estratégia de segmentação, isto é, um segmento específico em que seu negócio pode focar e obter um nível de conhecimento acima da média, tornando-se referência no setor. 

Assim, evita-se um mercado altamente competitivo, aproveitando-se de todos os benefícios da segmentação de mercado. 

Ao descobrir um nicho de mercado para se tornar uma especialista no assunto, sua empresa passa a atuar de maneira mais personalizada.

Em outras palavras, as estratégias de marketing conversam com um público mais específico, e não com a população de maneira geral. 

Nesse contexto, chegam leads qualificados para o time comercial. 

Ademais, a equipe de atendimento, experiente no que diz respeito às necessidades dos consumidores, torna-se mais capacitada para solucionar os problemas com mais agilidade. 

O time de produto, por sua vez, trabalha para criar as ferramentas que vão ao encontro das dores dessa mesma audiência. 

Para ilustrar melhor o que seria o nicho de mercado, veja nosso exemplo abaixo. 

Aqui, a empresa não foca em todos os tipos de mulheres, mas sim naquelas que desejam rejuvenescer a pele, ou seja, que têm pele mais madura.  

Fonte: Academia Brasileira de Profissionais e Agência de e-commerce (Apage)

Adicionalmente, separamos um vídeo que explica a diferença entre segmento de mercado e nicho de mercado. Dê o play e assista: 

Por que é importante fazer segmentação de mercado? 

Preparado para conhecer quais são os benefícios de encontrar seu nicho de mercado? 

Aqui estão os principais: 

1- Menos Concorrência 

Vamos começar te convidando para uma proposta: imagine um xarope para as crianças, aquele que trata da tosse dos pequenos. 

Você saberia dizer quantas marcas fabricam um xarope que você conhece? Aposto que conseguiu pensar facilmente em, no mínimo, 2 marcas, não é mesmo? 

Agora, se pensarmos em um xarope, que é um fluidificante e broncodilatador para tosse, feito a partir do extrato seco de folhas de Hedera helix L.

Será que as marcas que você pensou em um primeiro momento atenderiam a necessidade desse consumidor?

Possivelmente, não! 

Logo, pesquisaria outras marcas e estaria disposto a gastar mais com empresas que personalizam o atendimento e produto, segundo relatório CX TRENDS 2022, da Zendesk. 

Por outro lado, as marcas que atendem um público maior, aquelas que vendem xaropes simples, poderiam disputar o mesmo consumidor com grandes empresas, inclusive aquelas que não são especialistas em um determinado produto. 

2- Mais envolvimento da audiência 

Quando sua marca foca em um nicho específico, esses consumidores não dependerão de muitos motivos para acompanhar o seu trabalho. 

Isso resulta em uma audiência mais interessada, seja em anúncios, publicações em redes sociais ou blog. Mas por que isso acontece? Simples! 

Seu negócio estará mostrando que conhece e entende as necessidades desses consumidores, como nunca outra marca compreendeu. 

Logo, esses clientes irão acompanhar, curtir, interagir e compartilhar esse conteúdo, gerando engajamento. 

O que traz mais prova social, isto é: quanto mais envolvimento, mais mostrará que você é uma referência em seu nicho de mercado. 

3- Qualificação do cliente 

Não só em virtude da baixa concorrência, mas exatamente por seu negócio atuar com um público mais específico. Com uma audiência restrita, você consegue segmentar seu atendimento e dar mais atenção. 

Isso torna seu potencial cliente mais qualificado para aceitar a sua oferta, uma vez que você entende as suas dores.

Um exemplo disso é o caso da máquina de café da Nespresso. Ela optou por não vender suas cápsulas em supermercados e presta um atendimento individualizado aos apaixonados pela bebida. 

Ademais, a marca comercializa xícaras diferenciadas e demais acessórios para manter seus consumidores no ciclo de vendas. 

4- Fortalecimento da marca 

Por fim, quando seu negócio atende uma necessidade específica, naturalmente sua marca será lembrada por isso. 

Você deve lembrar do exemplo do xarope feito a partir do extrato seco de folhas de Hedera helix L, não é mesmo? 

Então, a probabilidade de o nome da marca de uma empresa fabricante ser citada em um grupo de pais e mães é enorme. 

Com isso, ela acaba se tornando uma referência para aquele nicho e naturalmente comece a ser indicada por quem entende do assunto. 

Dessa maneira, coloca-se em prática o popular marketing boca a boca

Aliás, separamos um vídeo do Sebrae SP que ensina como fazer marketing boca a boca no ambiente digital. Dê o play e assista:

Quais são os tipos de nichos de mercado?

Uma vez entendido o que são nichos de mercado e seus benefícios, vamos apresentar os tipos de segmentação que existem no mercado. São eles: 

  • Segmentação geográfica: foca na localização da companhia, país, estado e município. Aqui, é preciso fazer um estudo dos concorrentes que atuam na região para construir um diferencial competitivo;
  • Segmentação demográfica: concentra-se na idade, sexo, religão, renda ou formação educacional da audiência, a fim de criar hábitos e o poder de compra do invidíduo. Por exemplo, as marcas de absorventes; 
  • Segmentação psicográfica: analisa o estilo de vida, objetivos pessoais e personalizados da audiência. Marcas com foco no mundo fitness se encaixam nessa classe; 
  • Segmentação comportamental: são avaliados os hábitos de consumo e respostas aos produtos da audiência. Um exemplo disso é uma marca direcionada ao público vegano. 

Quer saber mais? Assista: 

Quais são os melhores exemplos de nicho de mercado?

Conhecer os tipos de segmentação não é o suficiente para garantir o sucesso da sua marca. 

Para isso, você precisa se conectar com seus consumidores de uma maneira mais profunda, construindo uma relação com sua comunidade de modo que cada contato seja lucrativo. 

Portanto, tenha em mente que quanto mais direcionada for a proposta da sua empresa, maior será a chance de se diferenciar dos concorrentes. 

E, mais uma vez, vale frisar: é uma estratégia que traz vantagens e desvantagens. 

Mas saiba que há uma maneira de se destacar no meio da multidão. 

Quer exemplos? 

Entre os nichos de mercado em alta estão: 

Pets 

Este estudo do Instituto Pet Brasil revela que o mercado de pet registrou um crescimento de 27% no faturamento em 2021 ante 2020, para R$ 51,7 bilhões. 

Produtos veterinários, serviços gerais, itens de higiene e bem-estar animal foram destaques neste levantamento. 

Ademais, o mercado pet permite trabalhar com diversos micro nichos, voltados para as raças de cachorro como pug, labradores ou buldogues, e para outras espécies de animais, como peixes ou aves. 

Leia também: [Dicas] Como faturar com o mercado de pets: 7 ideias simples

Fitness 

Este mercado faturou US$ 2,1 bilhões em 2019 no Brasil, perdendo somente dos EUA e do Canadá, cuja receita atingiu a marca dos US$ 3 bilhões, segundo a IHRSA. Fitness Brasil

O que explica esse crescimento é a divulgação dos benefícios proporcionados pelas atividades físicas para a saúde, bem como, a expansão das unidades de academia no país. 

Ficou interessado? 

Aqui estão 20 exemplos de nichos fitness para a sua academia, veja: 

  • Jump;
  • Ioga;
  • Crossfit;
  • Pilates;
  • Treinamento funcional;
  • Danças;
  • Lutas;
  • Natação;
  • Hidroginástica;
  • Bike Indoor;
  • Escalada;
  • Spinning;
  • Ironman;
  • Treinamento personalizado;
  • Academias para mulheres;
  • Academia para jovens que curtem baladas;
  • Academias com spa;
  • Academias adaptadas para pessoas com problemas de locomoção;
  • Academias para terceira idade;
  • Academias para grávidas.

Viagem e Turismo

O turismo brasileito voltou a crescer após dois anos de restrições provocadas pela pandemia do novo coronavírus. 

Em comparação com junho de 2021, houve um crescimento de 7,29%, como aponta a Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur). 

Nesse mercado, há diversas oportunidades para se destacar com viagens de baixo ou altíssimo custo, experiências rápidas ou lentas. 

Aí vão algumas dicas interessantes para te inspirar: 

  • Turismo de luxo;
  • Lua de mel;
  • Corporativo;
  • Terceira idade;
  • Grupos de incentivo;
  • Intercâmbios. 

Leia mais: Programa de incentivo: o que é, benefícios e como estruturar um eficiente!

Empresas B2B

Verdade seja dita, o B2B, ou business to business, não é somente o ato da venda de uma empresa para outra. 

Em uma análise mais ampla, é um nicho de mercado que soluciona as dores dos mais variados tipos de negócios. Abaixo, separamos 7 exemplos, confira:

  1. Bling: sistema de gestão online que descomplica o seu negócio;
  2. Pluga: plataforma de integração que conecta as ferramentas que você usa na sua empresa. E o melhor: sem que você precise ter nenhum tipo de conhecimento técnico; 
  3. Linkana: primeiro e maior software de gestão de fornecedores em rede;
  4. Nfe.io: reduz o tempo e a complexidade gasto com emissão de notas fiscais e consulta de dados;
  5. Gyra+: crédito rápido para fazer seu negócio girar;
  6. Grupo Tracker: oferece rastreadores para veículos e cargas;
  7. Movile: Há mais de oito anos, apoiam fundadores visionários.

Educação 

Em síntese, o número de novos estudantes em cursos superiores à distância cresceu 4,7 vezes, saltando de quase 330 mil estudantes para mais de 1 milhão e meio. Isso representa um aumento de 378,9%.

Abaixo, temos o histórico detalhado entre 2009 e 2019, compare: 

Novos alunos no ensino superior (2009,-2019) – número de ingressantes nas instituições de ensino: 

Fonte: Censo de Educação Superior (Inep)

Infográfico elaborado pelo G1, portal de notícias da Globo.

Novos alunos em EAD x presencial – proporção de ingressantes no ensino superior, por modalidade: 

Fonte: Censo de Educação Superior (Inep)

Infográfico elaborado pelo G1, portal de notícias da Globo.

Em paralelo, você pode aproveitar esse bom momento do mercado para investir em cursos livres, que são mais práticos e não exigem nenhum aval de órgãos oficiais do governo, como o MEC (Ministério da Educação)..

A seguir, separamos 21 ideias de cursos livres para focar sua atuação, conheça:

  • Administração de empresas;
  • Artesanato e trabalhos manuais;
  • Coaching;
  • Confeitaria;
  • Consultoria de estilo;
  • Contabilidade;
  • Ensino de Instrumentos musicais;
  • Especialização em Excel;
  • Especialização em softwares de edição de imagem e vídeo;
  • Ferramentas Google (Adwords e Analytics);
  • Idiomas;
  • Marketing;
  • Pré-vestibular;
  • Programação;
  • Redes sociais para negócios;
  • Relacionamento com clientes;
  • Revisão de texto e ortografia;
  • Técnicas de gastronomia;
  • Treinamento para concursos públicos;
  • Treinamentos de vendas e comerciais;
  • Treinamentos para certificação.

Aliás, já ensinamos aqui no blog como criar um bom curso livre. Vale a pena conferir nosso conteúdo exclusivo. 

Ah, não podemos nos esquecer de que ter um bom sistema de Ensino a distância é vital para que a sua ideia seja colocada em prática de forma simples e eficiente. 

Nossa dica é a EAD Plataforma. Temos tudo o que você precisa para criar e vender cursos online!

Aqui, você tem total controle sobre o seu negócio com transparência, tecnologia e praticidade. 

É possível acompanhar a evolução dos alunos em tempo real, aplicar provas e emitir certificados.

A propósito, assista ao nosso vídeo e conheça todos os detalhes da EAD Plataforma: 

Mão na massa: como achar um nicho de mercado?

Chegamos ao último tópico deste artigo com dicas práticas para que você aprenda como achar um nicho de mercado. 

Para isso, recorremos a Aaron Ross e Jason M. Lemkin, dois profissionais especialistas em vendas no mercado B2B e que compartilham em seu livro, Hipercrescimento, as melhores estratégias para descobrir o seu nicho. 

Antes de mais nada, nossos autores acreditam que os melhores segmentos são aqueles que reúnem cinco características importantes. São elas: 

  • onde existem muitas pessoas que compartilham da mesma dor que você vai solucionar; 
  • onde você pode exibir resultados concretos e definitivos para seus consumidores; 
  • onde você tem insumo suficiente para apresentar estudos de caso aprofundados; 
  • onde você pode desenvolver uma lista de metas identificáveis para sua equipe de marketing;
  • onde você será avaliado como único pelos seus clientes e, a partir daí, pode evitar a massificação de suas soluções. 

Estratégia nicho de mercado: cinco passos para encontrar o seu! 

Para dominar um nicho de mercado, você precisa fazer uma autoavaliação do seu negócio e do mercado. Isso envolve cinco passos: 

  1. enumere de cinco a dez nichos em que você poderia se destacar. Para tal propósito, baseie-se em seus consumidores atuais;
  1. categorize seus nichos potenciais utilizando esses fatores: 

2.1 Quão urgentes são suas necessidades? 

2.2 Quais resultados tangíveis você pode proporcionar? 

2.3 O que você pode oferecer de especial? 

2.4 Você consegue detectar as pessoas nesse segmento? 

  1. priorize somente uma oportunidade principal e uma secundária para prosseguir;
  1. valide sua ideia para os potenciais clientes da sua solução e então entreviste seus consumidores e monitore seus resultados;
  1. desenvolva um programa de geração de leads nesse segmento escolhido e aprenda o que os consumidores têm em mente. Faça alguns testes e, caso seja necessário, ajustes. Saiba que quanto mais testes você executar, mais ágil será o seu processo de aprendizado. 

Ficou claro? 

Está na hora de trabalhar com o seu nicho de mercado!

Como vimos acima, encontrar um nicho de mercado é muito importante para o sucesso da sua empresa. 

Contudo, não adianta nada segmentar o seu público se o seu negócio não oferece um sistema completo, com recursos descomplicados. 

Se, entre todas as opções de nicho de mercado disponíveis, você escolheu o ensino à distância, a EAD Plataforma é a plataforma ideal.

Com uma interface simples, intuitiva e de fácil personalização, ela oferece diversas funcionalidades, como:

Agende agora mesmo uma apresentação com nossa equipe! Aproveite e também faça um teste grátis para conhecer melhor todas as vantagens da EAD Plataforma.

Deixe seu comentário!
Fabio Godoy